.

.

British Petroleum (BP), parece ter tapado o vômito de óleo no Golfo do México, mas os esforços de limpeza são realmente o começo da grande luta na região afetada.

Em um interessante cruzamento entre a tecnologia e ativismo social, os códigos QR podem revelar uma forma de manifestação fundamental para ajudar e garantir que o Golfo seja totalmente restaurado.

O grupo ativista Women of the Storm, visando mobilizar os cidadãos em torno da restauração do Golfo, deram início a campanha Be the One, para conseguir assinaturas para a petição.

Em um vídeo recheado de celebridades o conceito da campanha fica claro na frase que afirma: “Eu exijo que um plano para restabelecer o Golfo dos Estados Unidos seja totalmente financiado e implementado para mim e para as gerações futuras.”

.

.

ScanLife, fabricante de tecnologia móvel de varredura de código de barras, apóia a causa e esta trazendo os códigos QR para o resgate de assinaturas. A empresa criou um QR code que, quando escaneado, direciona os usuários para um mobile site onde podem ver o vídeo e assinar a petição.

Uma versão gigante do código QR foi colocado em exibição no cartaz Reuters Thomas no Time Square para ajudar nos esforços de divulgação, o código também está sendo distribuído on-line e em t-shirts, o último dos quais as pessoas podem comprar para continuar a apoiar a causa.

.

.

Scroll Up