Ian Christie o professor e historiador, é o homem que descobriu este pedaço da história cinematográfica.

O historiador tropeçou sobre as filmagens de 104 anos de idade, fazendo uma pesquisa de rotina no Australian National Film Archive.

Quando perguntado sobre sua descobnerta que vai começar a ser exibida para o mundo no próximo sabádo…”Muitas vezes são simplesmente ridículos,  por serem peças e fragmentos de coisas que você não pode realmente ter uma noção. É muito raro encontrar alguma coisa que ninguém tenha realmente identificado antes”.

São 12 minutos silenciosos do documentário, chamado Living Londres,  realizado pelo cineasta pioneiro americano  Charles Urban.

Categorias: Design

Adirson Allen

evangelista de tecnologia, designer de tendências e cool hunter