Growth Hacking é um termo que vem sendo usado cada vez mais no Brasil. Cunhado por Sean Ellis, responsável pelo crescimento absurdo do DropBox, EventBrite e LogMeIn, ele descreve basicamente táticas de expansão fora do comum.

A ideia Growth Hacking é conseguir trazer crescimento escalável para a empresa, por vários canais, seja por marketing, vendas ou produto.

Crescer em mercados B2C é algo muito complicado. É difícil e demorado encontrar o caminho correto para crescer!

O público alvo é bem disperso e possui gostos bem variados, além de utilizar de canais heterogêneos no seu dia a dia.

Porém, uma vez que o Growth Hacker encontra o caminho ideal, o crescimento da empresa atinge níveis extraordinários.

Growth Hacking é uma tática de empreendedorismo desenvolvida em startups que utiliza a criatividade, o pensamento analítico e métricas sociais para vender produtos e ganhar a exposição.

Pode ser visto como parte do ecossistema de marketing online, pois muitos hackers estão usando técnicas como o SEO (Search Engine Optimization), análise de sites, marketing de conteúdo e testes A / B.

A seguir um pequeno roteiro com informações para entender como é o processo de Growth Hacking.

Scroll Up